Carregando...

Estimativas da safra de verão para SC traz aumento na produção de milho e de soja

Os números foram apresentados pela Epagri/Cepa

Se tudo correr bem e o clima ajudar, a safra de verão 2021/22 em Santa Catarina deve apresentar um bom resultado. O milho deve retornar aos patamares médios históricos, depois de uma forte quebra na safra passada. A soja segue no crescimento sistemático dos últimos anos, provocado pela ampliação constante da área plantada. O arroz permanece estável, com uma discreta perda de produção.

A banana também tem expectativa de crescimento da produção, diante de problemas climáticos que atingiram os pomares e causaram perdas na safra passada. A produção de maçã permanece praticamente estável. Os números foram apresentados pela Epagri/Cepa em evento on-line realizado na tarde da segunda-feira, 20.

milho grão deve ter uma área plantada de 325 mil hectares e produzir 2.720.516 de toneladas na primeira safra. Este número é 51,2% superior à safra anterior, quando o Estado produziu 1.799.370 toneladas do cereal.

A produção de milho silagem nesta safra de verão deve chegar a 9.246.058 toneladas, volume 61,4% maior do que na safra 2020/21. A Epagri/Cepa estima uma produtividade média de 41.648 kg/ha, índice 61,9% superior ao ciclo agrícola anterior.

soja deve ter crescimento de 3,8% na área plantada, 725.698 de hectares de lavouras na primeira e segunda safras com estimativa de colher 2.632.901 toneladas do grão ao final das duas safras, um aumento de 11,8% em relação à safra anterior. A produtividade média vai ficar em 3.628 kg/ha.

arroz com 39% da área plantada, estima-se colher 1.222.102 toneladas nesta safra de verão, contra 1.248.852 toneladas produzidas no ciclo agrícola anterior, uma redução de -2,1% justificadas pela pequena redução de área plantada e queda na produtividade.

feijão segundo levantamento da Epagri/Cepa, Santa Catarina deve produzir 68.424 toneladas nesta primeira safra, o que é 23% a mais na comparação com o período anterior.

banana mantém praticamente a mesma área plantada, o Estado deve produzir 725.217,8 toneladas na safra 2021/22, o que é 48,2% a mais do que safra passada. A expectativa da Epagri/Cepa é de que a produtividade média fique em 25.396,3 kg/ha, o que é 46% a mais do que na safra 2020/21.

maçã a Epagri/Cepa estima que o Estado produza 592.726,1 toneladas, uma pequena queda (-0,6) em relação ao período anterior (596.117,8t). A produtividade média deve ser de 39.745,6 kg/há. A área plantada vai sofrer uma redução de -1,6%.

batata deve ter o maior aumento de quantidade produzida (33%), seguida pelo fumo (6,1%). Já o tomate vai enfrentar queda de -5,9% na produção.

Fonte: Fecoagro

Rádio Cravil

INFORMATIVO CRAVIL 16 10 21
18/10/2021 às 12:41:58
INFORMATIVO CRAVIL 09 10 2021
13/10/2021 às 11:12:18
INFORMATIVO CRAVIL 02 10 2021
04/10/2021 às 09:02:37
INFORMATIVO CRAVIL 25 09 2021
27/09/2021 às 08:37:50